quarta-feira, 19 de julho de 2017

5 Águas, 5 Detoxes, 5 Formas de te livrares da pele casca de laranja

Porque o verão já chegou e porque com ele veio o calor, o bom tempo, os dias de praia e as tão desejadas férias... a pedido de muitos seguidores e com o apoio de Cellulase, aqui ficam algumas ideias de receitas do meu livro SUMOS E ÁGUAS DETOX para vos inspirar a hidratar com prazer e de forma funcional. 


Beber água pode ir muito mais além do que cumprir a sua função básica de hidratação, pode desintoxicar, ajudar na perda de peso, a eliminar a pele casca de laranja, a drenar os líquidos acumulados e a ter um efeito anti aging. São saborosas,refrescantes e ainda por cima podem por-nos mais bonitas, o que podemos querer mais?

Mas, a pensar numas pernas livres de celulite, leves e saudáveis, em conjunto com os suplementos alimentares Cellulase, selecionei 5 receitas para vos ajudar a ter a alcançar umas pernas sem "aquela" pele casca de laranja, que não combina nada com o biquíni deste ano J


RECEITA 1:
Desintoxicante e Termogénico

Ingredientes:
2 limões
1 rodela de gengibre com cerca de 1-2 cm de espessura
1,5l de água

Modo de Preparação:
Lave bem a casca dos limões, corte-os em rodelas e junte-os ao litro e meio de água. Corte as rodelas de gengibre fresco com cerca de 1-2 cm e junte-a ao preparado anterior. Deixe repousar a mistura durante a noite. 

RECEITA 2:
Antioxidante

Ingredientes:
1 mão-cheia de mirtilos (pode optar pelos frescos ou ultracongelados)
1 kiwi
1 tangerina
1,5l de água

Modo de Preparação:
Lave bem os ingredientes e corte o kiwi e a tangerina em rodelas. poderá utilizar os mirtilos inteiros ou cortá-los em dois. junte aos ingredientes um litro e meio de água e reserve no frigorífico durante a noite.

RECEITA 3:
Drenante

Ingredientes:
1/2 pepino
10 folhas de hortelã
1,5l de água lisa

Modo de Preparação:
Lave bem o pepino e as folhas de hortelã. Corte o pepino em rodelas com casca em rodelas e adicione à agua lisa juntamente com as folhas de hortelã. Reserve o preparado no frigorifico cerca de 2-4 horas (ou simplesmente da noite para o dia).

RECEITA 4:
Anti-inflamatório 

Ingredientes:
2 fatias de abacaxi
10 folhas de hortelã-pimenta
1,5l de água lisa

Modo de Preparação:
Corte as fatias de ananás em pequenos triângulos e lave bem as folhas de hortelã-pimenta. junte todos os ingredientes a 1,5l de água e reserve no frigorífico durante a noite. Sirva com gelo.

RECEITA 5:
Melhoria da circulação

Ingredientes:
4-5 morangos
1 limão
1 ramo de alecrim
1,5l de água lisa

Modo de Preparação:
Corte os morangos em quatro, lave bem o ramo de alecrim e o limão. junte todos os ingredientes a 1,5 l de água e reserve no frigorífico durante a noite. Sirva bem gelado.


A estas águas experimenta juntares também um dos meus aliados suplementares de eleição: Cellulase Pearls ou Cellulase Advance. 


Artigos relacionados:




segunda-feira, 10 de julho de 2017

O sol teima em não aparecer? Então vou bronzear em casa!

"Bronzear sem sair de casa?", lido assim de repente pode dar vontade de rir, mas a verdade é que podemos fazê-lo de forma eficaz, escolhendo alimentos específicos que nos ajudam a dourar a pele, a protege-la e a manter o bronzeado durante muito mais tempo.
Há quem lhe chame de dieta do bronzeado... eu, como a tantas outras coisas, chamo-lhe de alimentação funcional!

Este fim de semana que passou mais parecia um viagem de regresso ao outono... mas mesmo o sol fazendo braço de ferro e teimando em não aparecer, vamos arregaçar as mangas e por esta pele a dourar!

Os alimentos ricos em betacaroteno são excelentes ingredientes para conseguir um bronzeado bonito e natural, aquele que defendem os cientistas como um bronzeado muito mais seguro do que a exposição prolongada aos raios solares.
O betacaroteno, precursor da vitamina A, atua diretamente na produção de melanina, responsável pela pigmentação da pele e responsável pela sua proteção contra os raios solares.
NOTA: Atenção que não devemos ser fundamentalistas, a exposição solar também traz benefícios. Ela é considerada importante para a síntese interna de vitamina D, por isso não se esqueça de o fazer, mas sempre de forma moderada, inteligente e protegida.

Os betacarotenos são ainda considerados componentes antioxidantes que proporcionam uma proteção extra no que respeita aos danos celulares que a radiação solar provoca, prevenindo o surgimento de rugas e lesões.
Podemos encontrar estes componentes nas cenouras, a rainha dos betacarotenos, mas também em vegetais verde escuros (como espinafre, repolho, brócolos ou agrião), em fruta ou legumes alaranjados (como abóbora, diospiros, manga e papaia) ou ainda em alimentos de pigmentos fortes como a beterraba ou a curcuma por exemplo.
Veja receita de sumo amigo do bronzeado com alguns destes ingredientes AQUI



Para além dos beta carotenos, existem também outros nutrientes que agem como antioxidantes complementado a ação da vitamina A no processo de proteção cutânea. São eles:
- A Vitamina C encontrada em alimentos como laranja, tangerina, abacaxi, morango ou kiwi
- A vitamina E, encontrada nas sementes de sésamo, girassol, amêndoas, nozes, avelãs e no azeite
 - Os flavonoides, encontrados no chá verde, tomate, cenoura, soja, morango, uva, cereja.

Para garantir o bronzeado perfeito este verão, basta então manter um consumo regular desses alimentos no seu plano alimentar diário para conseguir ter uma reserva natural de betacarotenos e antioxidantes.


Independentemente do tipo de pele, quer seja ela seca, oleosa ou mista, qualquer pessoa beneficia de uma alimentação funcional direcionada para a saúde cutânea, especialmente nesta altura do ano.
Não podemos nunca esquecer, que para além da alimentação equilibrada, a hidratação é tão ou mais importante no que respeita a nossa pele. A água além de evitar a desidratação interna e externa, ajuda a manter os nutrientes ativos nas reações metabólicas garantindo o bronzeado perfeito.

Ao mesmo tempo que selecionamos os ingredientes certos é importante trabalharmos as quantidades, assim sendo, devemos:
- Comer varias vezes ao dia garantindo que não nos sentamos à mesa para as refeições principais com fome
- Não levar as travessas e panelas para a mesa, pois a tendência é ir petiscando sem necessidade
- Servir-se em pratos mais pequenos (como os pratos de sobremesa), pois os olhos também comem. Está comprovado que comer em pratos mais pequeno reduz a quantidade ingerida na refeição
- Evitar refrigerantes e bebidas açucaradas à refeição
- Acompanhar a refeição com um sumo fresco de cenoura, papaia e beterraba
- Iniciar a refeição com uma sopa rica em beta carotenos, como cenoura, laranja e coentros (receita do livro SOPAS, SALADAS e CHÁS DETOX)
- Apostar em alimentos hidratantes, ricos em água, como frutas e vegetais importantes para manter uma pele saudável
- Evitar o consumo excessivo de azeite para o tempero
- Evitar molhos gordos para as saladas
- Incluir alimentos que ajudam a saciar como as sementes, cereais integrais e vegetais, ricos em fibras alimentares
- Evitar distrações durante a refeição como ver TV ou estar nas redes sociais enquanto come pode distrair e fazer com que se coma mais sem se dar conta.


Inspirem-se em algumas das receitas dos meus livros e blog publicadas na passada edição da revista PREVENIR: